Maria do Carmo Cardoso Mendes

 

Maria do Carmo Cardoso Mendes é professora e investigadora do Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho. É vice-presidente do ILCH e presidente do Conselho Pedagógico do mesmo Instituto. Especialista em Literatura Comparada e em Literatura Portuguesa Moderna e Contemporânea, tem publicado ensaios sobre: escritores de língua portuguesa (Luís de Camões, Padre António Vieira, Camilo Castelo Branco, Guilherme de Azevedo, Eça de Queirós, Camilo Pessanha, Aquilino Ribeiro, Almada Negreiros, Miguel Torga, Agustina Bessa-Luís, Teolinda Gersão, Almeida Faria, Orlanda Amarílis, Rui Knopfli, Mia Couto, Arménio Vieira e Germano Almeida); mito de Don Juan; ecocrítica; literatura fantástica e policial; influências clássicas na literatura portuguesa contemporânea; diálogos entre a literatura portuguesa e as literaturas hispano-americanas. As suas publicações mais recentes são os livros Don Juan(ismo): o mito (2014), Artes e ciências em diálogo (coordenação com Isabel Ponce de Leão e Sérgio Lira, 2015), Idades da escrita: estudos sobre a obra de Agustina Bessa-Luís (2016), Humores e humor na obra de Agustina Bessa-Luís (coordenação com Isabel Ponce de Leão, 2017) e Ecocriticism 2018. Literature, Arts and Ecological Environment (coedição com Isabel Ponce de Leão e Sérgio Lira, 2018).