Blue Flower

Cardeal António Marto é membro da Comissão de Honra do Congresso

marto

 

O bispo de Leira-Fátima, cardeal António Marto, integra a Comissão de Honra do Congresso Internacional "A Morte: Leituras da Humana Condição". Recorda-se que o bispo de Leiria-Fátima foi criado cardeal pelo Papa Francisco no Consistório do dia 28 de junho de 2018 e nomeado em Outubro pelo mesmo Papa como membro do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida. A Comissão de Honra do Congresso pode ser consultada aqui.

Victoria Cava canta a morte em flamenco

Victoria Cava 11 pub

 

Victoria Cava, cantora profissional de flamenco e doutorada pela Universidade de Murcia, proferirá na sessão semiplenária do congresso de dia 23 a conferência "Las Coplas Flamencas y su expresión en contexto de muerte: experiencia transformadora". Numa alusão à comunicação que apresentará, Victoria Cava diz: "la muerte se hace poesía en el Flamenco gracias a la utilización de sus trágicas letras junto a las tonalidades menores y al sentimiento y quejío desgarrador del cante que recrea perfectamente el estado anímico de profunda tristeza y dolor ante el fallecimiento. A pesar del horror de la muerte, todo es cantado y expresado con una belleza sublime."

Feira do Livro do Congresso

books 1251734 1280

 

Durante o I Congresso Internacional "A Morte: Leituras da Humana Condição" os congresistas terão ao seu dispor uma Feira do Livro resultante das parcerias com o Instituto Piaget, a Editora Paulus, a Editora Paulina, a Editora Leya, a Difusora Bíblica e outras entidades cooperantes. A venda estará limitada ao stock existente. O resultado apurado com as vendas dos livros que constam do catálogo próprio servirá exclusivamente para suporte das despesas do congresso.  Convidamos todos os interessados a percorrerem o catálogo próprio que está disponível aqui

Um programa cultural riquíssimo

cultura 1

 

O I Congresso Internacional "A Morte - Leituras da Humana Condição"  conta com um programa cultural diverso e de grande interesse:
Dia 21 – Noite de Cinema: "WIT", com debate orientado por Paulo Miguel Martins, crítico de cinema 
Dia 22 – Concerto "Missa Brevis" com João Gil, Luís Represas e Manuel Rebelo
Dia 23 – Gravação de "E Deus Criou o Mundo", programa de rádio da Antena1 com representantes das três religiões monoteístas: Joshua Ruah, Khalid Jamal e Pedro Gil 
Dia 24 – Itinerários Culturais pela cidade: 1) histórico, 2) arquitetónico e 3) ambiental (a opção pelo itinerário, por parte dos interessados, será feita junto do secretariado do congresso no primeiro dia do evento)
As sessões de dias 21 a 23 terão lugar às 21h30m, no auditório do Centro Cultural Vila Flor e estão abertas ao público em geral, mediante a aquisição de um bilhete único de ingresso, no valor de 10€. Para os congressistas, a participação neste programa cultural está incluída no valor da inscrição.

Lenço de Guimarães é peça oficial do congresso

lenco 2 invertido compac

 

Em tributo a uma bela tradição do Minho e em parceria com o Município de Guimarães, o Congresso Internacional "A Morte: Leituras da Humana Condição" terá como sua Peça Oficial do Congresso um lenço de namorados com frase alusiva ao tema do evento. O lenço (na imagem) é um desenho original de Helena Cardoso com um poema de Albano Martins: "Para morrer não era necessária a morte. Bastava o teu corpo". A peça, que pode ser vista na "Oficina" de Guimarães (loja de artesanato da autarqia, cuja visita se recomenda), poderá ser encomendada pelos congressistas nesse local ou no secretariado, tendo o especial preço de 120,00 euros, durante os dias do evento.

Spot do congresso

A uma semana do arranque do I Congresso Internacional Morte: Leituras da Humana Condição, divulgamos o spot do evento. Uma realização de Bruno Venâncio, Carolina Grilo e Florentino Franco, com base nas inspiradoras palavras de Antero de Quental. Clique aqui para ver.

Parceria com os espaços museológicos da Sociedade Martins Sarmento

soc martins sarmento

A Sociedade Martins Sarmento – SMS, instituição cultural de utilidade pública detentora de espaços museológicos e culturais em Guimarães e em Briteiros, possibilita aos congressistas, devidamente identificados, a entrada gratuita nos seus espaços museológicos, durante o tempo do congresso, nos horários habituais. Também proporciona a entrada gratuita nos mesmo espaços com visita guiada a grupos de 30 congressistas, em horário a combinar; sempre mediante apresentação de identificação.
Espaços geridos pela SMS:

Museu Arqueológico da Sociedade Martins Sarmento | Biblioteca | Galerias de Exposições | Rua Paio Galvão - 4814-509 | Guimarães | Portugal
Telef. +351 253 415 969
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. 

Citânia de Briteiros | Rua de São Romão, 3701 - 4805-448 Salvador | Briteiros | Portugal
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. 

Museu da Cultura Castreja - Solar da Ponte | Rua do Solar - 4805-448 Salvador | Briteiros | Portugal
Telef. +351 253 478 952
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. 

Mais informações:
www.msarmento.org 
http://pedraformosa.blogspot.com 
www.facebook.com/sociedade.martinssarmento
www.facebook.com/citania.briteiros

João Gil, Luís Represas e Manuel Rebelo em concerto no Congresso

missa brevis

Na segunda noite do congresso "A Morte - Leituras da Humana Condição" e integrado no programa cultural deste, João Gil, Luís Represas e Manuel Rebelo vão levar a concerto, a sua "Missa Brevis". Trata-se de um projeto original de João Gil, que resulta numa intervenção musical de forte elevação espiritual. São suas as palavras: "Quando me ocorreu compor uma ‘Missa Brevis’, lembrei-me dos tempos em que acolitava ainda muito criança lá na Covilhã, lembrei-me do meu Irmão José Alberto Gil, compositor com quem partilhava o quarto e que me inundava os dias com enxurradas de Mozart e Bach, lembrei-me de minha mãe, pessoa de enorme sensibilidade que nos soube transmitir o bom senso e a compreensão do mundo espiritual”.

Conheça um pequeno excerto clicando aqui.

Congresso em conferência de imprensa

CONFERENCIA DE IMPRENSA7

O I Congresso Internacional “A Morte: Leituras da Humana Condição” foi ontem apresentado à imprensa, em Guimarães, num encontro promovido pela munícipio local e pelo IEAC-GO. A Vice-presidente da Câmara de Guimarães, Adelina Pinto, afirmou o empenho da parceria da autarquia em relação a este evento. “Começamos a olhar para este congresso como um evento rico em termos de programa e que responde a várias áreas do saber, desperta a curiosidade, incorpora as várias religiões e permite um olhar transversal sobre o tema. Por isso, Guimarães respondeu a este desafio”, salientou Adelina Pinto. Além disso, a autarca vincou o objetivo de afirmar Guimarães como “uma Cidade de congressos e de Conhecimento, reforçando a identidade histórica e cultural”.

O Presidente do Conselho Científico do Congresso, Paulo Alves, destacou as áreas transversais do tema. “A morte faz parte da nossa existência e, por essa razão, a Comissão Científica resolveu realizar um congresso no sentido multidisciplinar e com pessoas de três Continentes e cinco Países. Pretendemos analisar o impacto da morte do ponto de vista das religiões, da arquitetura, dos filósofos, dos teólogos, sacerdotes, poetas, jornalistas e como os humoristas lidam com a morte. A morte não é propriedade de qualquer domínio, está em todas as culturas, profissões e religiões”, sintetizou.

Eugénia Magalhães, presidente do IEAC-GO, destacou o reconhecimento do instituto  "que Guimarães é , a nível nacional,um dos municípios que promove imenso a cultura e um dos grandes objetivos do Instituto é fazer uma grande divulgação da cultura fora de Lisboa e fazer esta ponte para diferentes pontos do país”,  realçando a “simbologia” pelo debate sobre “o fim da nossa existência no Berço da Nacionalidade”.

O congresso terá lugar de 21 a 24 de Fevereiro, no Centro Cultural Vila Flor, na cidade de Guimarães.

Nuno Gil, da Fundação Champalimaud, falará sobre "Comunicar a morte"

nuno gil

O reputado médico Nuno Gil, diretor da Unidade do Pulmão da Fundação Champalimaud, falará, no congresso, sobre o tema "Comunicar a Morte". O médico especialista de Medicina Interna e Oncologia Médica partilhará assim o seu ser, saber e fazer numa área e num momento da atividade clínica que apelam a um elevado sentido de humanismo e de verdade. Nuno Gil, de tanta e tão intensa experiência médica feito, diz de si próprio que continua "a ser aprendiz de médico".

Congresso em destaque na Angelus TV

angelus tv congresso

A Angelus TV dedicou uma edição do seu programa Matinais ao I Congresso Internacional “Morte: Leituras da Humana Condição”. Na ocasião, foram entrevistados Eugénia Magalhães, na qualidade de presidente da comissão organizadora, e Herculano Alves, conhecido biblista que apresentará uma comunicação integrada na mesa redonda “A morte nos livros sagrados”. A entrevista pode ser vista aqui.

 

Associate Organizations:

logos footer